O que é romance histórico?

O que é um romance histórico?

O romance histórico nasceu no início do século XIX, com Walter Scott. Consiste numa literatura de ficção que usa de elementos e recursos históricos para compor o “pano de fundo” da narrativa.

Tais elementos, entretanto, não precisam ser totalmente verídicos – ou historicamente completos. Não interessa a esse tipo de romance ser fiel aos relatos, mesmo que sejam sobre grandes personalidades.

O que é importante no romance histórico é a especificidade histórica do tempo:

  • Nos acontecimentos
  • No modo de ser e de agir dos personagens

Enquanto a história transcreve um mundo “acabado” e “imutável”, a literatura pode interferir recriando a história. A literatura conta com mais ferramentas, por exemplo:

  • A subjetividade
  • A imaginação

Para alguns teóricos da literatura – e para mim! – o romance histórico é mais interessante quando aborda a vida de pessoas comuns. Com essas personagens, consigo aprender por que pessoas agiam como agiam e sentiam o que sentiam. Adoro aspectos aparentemente insignificantes, mas que dizem muito: um hábito cotidiano nos modos de se alimentar ou de se vestir, por exemplo.

Importante!

Não cabe à literatura falar a verdade.

Nem todo romance que se situa no passado é histórico.

Por fim, um autor pode escrever um romance histórico para criar verdades desejáveis. Qualquer forma de registrar o passado é permeada pela memória e pela consciência – e nada disso é algo ingênuo.

As mentalidades têm uma história! E, para mim, esse é um dos mais deliciosos mistérios que a literatura permite perscrutar: a possibilidade do conhecimento torna-se infinita.

Quando leio romances históricos, abro minha mente e meu coração e tento não fazer julgamentos prévios e nem rotular personagens com as categorias do nosso tempo.

Tento – e isso é uma experiência enriquecedora! – descobrir o que ainda temos em comum e o que já mudou bastante…

 

Siga a FAUSTO no Instagram!

Eliana de Castro Escrito por:

Idealizadora da FAUSTO, é ensaísta, mestre em Ciência da Religião pela PUC-SP. Contato: eliana.faustomag@gmail.com

Os Comentários estão Encerrados.